Breve cartografia do silêncio
 Projeto selecionado por edital de 
Mobilidade Artística da Secult Bahia


Proposta de residência fotográfica realizada em Lisboa entre janeiro e março de 2017. Foram feitos registros documentais e contemplativos dos espaços urbanos, de excluídos sem voz, vestígios visuais de indivíduos errantes, "invisíveis" e anônimos em situações banais do cotidiano, numa tentativa de explorar as semelhanças e antagonismos entre Lisboa e Salvador. 

Esta iniciativa teve apoio financeiro do Governo do Estado, através do Fundo de Cultura, Secretaria da Fazenda e Secretaria de Cultura da Bahia.

Leia mais na página do projeto


* * *